Ontem...ontem eu ajudei duas pessoas

Ontem...ontem eu ajudei duas pessoas.
Mas é de uma delas que quero falar.
Um homem de rua....desses à margem da vida.
Desses que cheiram mal,que ignoramos,que passamos e fazemos de conta que não existem.
Carregando sempre seu cachorro nos ombros e quase desfalecido me disse:
estou com febre..fui mordido por uma aranha marrom.
Me mostrou o ferimento horroroso.
Entrei na empresa.
Peguei ração para o cachorrinho.Água.Coloquei no chão.
Peguei remédio para febre.Entreguei a ele.
Dei dinheiro e pedi que fosse até o SUS.
Ele chorou.Disse que tinha medo que o separassem do cachorrinho.
Eu chorei.
Passei a noite rezando por este homem que não sei o nome nem de onde vem.
Pedi a Deus que o proteja e o cure.
Não o conheço mas já o vi muitas vezes por ai com seu cachorro nos ombros.
Pensei em mim.Na sorte que tenho em ter um convênio médico.
Pensei nele.
Minha mente ficou confusa.
Meu coração chorou por esta gente humilde....
E hoje acordei com o mesmo sorriso...ninguém dirá que meu coração está partido por um homem sujo,cheirando mal,à margem da vida.Desses que ignoramos e fazemos de conta que não existem...
Claudia Cozzella

 


Página 1 de 137
Copyright © 2011 Acontece Curitiba. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por LinkWell.