Disney: Vencedores do Fundo de Conservação Disney

No mês do Dia Internacional da Terra, a Disney anuncia os nomes das organizações sem fins lucrativos da América Latina beneficiadas pelo Fundo de Conservação Disney (Disney Conservation Fund), através de seu programa anual de bolsas 2017-2018. Além disso, divulga 20 Heróis da Conservação reconhecidos e premiados pelo Fundo, entre eles, a argentina Rocío Palacios do projeto Andean Cat Alliance (Wildlife Conservation Network), por seu trabalho para proteger o habitat do gato andino na Patagônia.

Em 2017, foram investidos mais de U$ 780.000 em projetos que protegem mais de 50 espécies na América Latina. Desde 1995, ano da criação do Fundo de Conservação Disney, foram apoiados mais de 2 mil projetos, ajudando mais de 600 organizações e 150 heróis em 47 países. Na América Latina, foram doados mais de U$ 11 milhões.

Entre as organizações beneficiadas, destacam-se:

  • Instituto de Pesquisas Ecológicas (IPÊ) (Brasil). Assegura a proteção a longo prazo do Mico Leão Preto no Brasil, monitorando e apoiando a conservação do seu habitat. O IPÊ é considerado uma das maiores ONG ambientais do país, com sede em Nazaré Paulista (São Paulo) e conta com mais de 80 profissionais trabalhando em mais de 30 projetos por ano.
  • Associação Mico-Leão-Dourado (AMLD) (Brasil). Realiza um importante trabalho de restauração de habitat com a participação de comunidades locais. Durante quatro anos, a AMLD e seu trabalho de conservação são parte do programa Reverse The Decline, que também conta com o apoio da Disney, colaborando para o aumento da população de macacos Mico Leão Dourado de 200 indivíduos (1980) a 3200 animais até hoje.
  • Northern Jaguar Project (México). Trabalha na conservação do habitat necessário para o Jaguar no norte do México por meio de uma área protegida, a Reserva do Jaguar do Norte, e na educação da comunidade com os agricultores locais e atividades voltadas para as crianças passarem mais tempo natureza. "Vivendo com Felinos" é um projeto que trabalha com os proprietários das fazendas onde nos últimos anos os jaguares enfrentaram inúmeras ameaças a sua sobrevivência, e agora encontram um refúgio de 220km².
  • Projeto Manta Pacífico Mexicano  (México). Buscam inspirar mudanças que salvaguardem o bem estar dos mares e seu povo. Através de meios audiovisuais, contam histórias sobre os mares mexicanos, sua biodiversidade e comunidades que dependem deles, engajando a sociedade na causa.

"Somos gratos por poder oferecer nosso apoio a organizações dedicadas à conservação ambiental e trabalhar em conjunto para proteger espécies e ecossistemas para o bem-estar das gerações presentes e futuras. Esperamos disseminar esse compromisso para nossos públicos e para as comunidades onde essas iniciativas são realizadas", disse Belén Urbaneja, Diretor de Cidadania Corporativa e Gestão de Marcas da The Walt Disney Company Latin America. "Com o Fundo de Conservação Disney, apoiamos o estudo da vida selvagem, o desenvolvimento de programas comunitários e educação em ecossistemas críticos e experiências que conectam crianças e adultos em todo o mundo para experimentar a magia da natureza", acrescentou Anne Savage, diretora de Conservação da Disney Animal Science and Environment.
 
O Fundo de Conservação Disney também revelou os 20 Heróis da Conservação 2017, reconhecidos por sua dedicação para proteger os habitats e espécies silvestres, e por inspirarem a comunidade a comprometer-se com a natureza e meio ambiente. Na América Latina, destacam-se:
  • Rocío Palacios, nomeada pela sua participação no Projeto Andean Cat Alliance (Wildlife Conservation Network). Tudo o que se conhece hoje sobre os gatos andinos é resultado do trabalho do Andean Cat Alliance através do ecossistema andino da Argentina, Bolívia, Chile e Peru. Rocío é bióloga da vida silvestre e coordenadora da organização. Registrou informações sobre a presença do gato andino na Patagônia e ajudou a capacitar guardas florestais na identificação, monitoramento e conservação das espécies. Além disso, preocupa-se em envolver as comunidades locais em projetos para reduzir ameaças, como a transformação territorial, perda de habitat e a caça.
  • Iliana Fonseca, nomeada pelo Projeto Manta/Manta Trust. Iliana começou como estudante de biologia marinha, trabalhando voluntária em uma expedição de quatro meses em busca de raias gigantes durante o auge de temporada de furacões no México. Hoje lidera a investigação e desenvolvimento de capacidades e esforços de extensão do Projeto Manta. Sua presença é fundamental para estabelecer confiança entre as partes locais interessadas, o que leva a melhores práticas e educação da comunidade. Ela planeja concentrar seus estudos de pós-graduação em como as variáveis ambientais podem ajudar a prever a presença de mantas gigantes, o que ajudará a tomar medidas para reduzir as colisões com barcos e redes de pesca.Para a lista completa dos beneficiados das bolsas anuais 2017-2018 do Fundo de Conservação Disney, visite www.compromisodisney.com.

A Disney apoia estas organizações e referências da conservação ambiental como parte de seu compromisso com o cuidado da natureza, mas também com o desejo de inspirar seus públicos a conhecer estas iniciativas e somar seu compromisso individual para conseguir mudanças coletivas positivas. Mais informações no site Compromisso Disney e na página Facebook.com/CompromisoDisney.

Sobre a Cidadania Corporativa Disney:
Ser um bom cidadão corporativo é uma longa tradição na Disney. Inspire-se é a identidade dos esforços de cidadania corporativa da companhia e se centraliza nos seguintes eixos temáticos: promoção de uma vida saudável, criatividade e inovação, cuidado da natureza, fortalecimento de comunidades e desenvolvimento de marketing, publicidade e conteúdos responsáveis voltados às crianças. Por meio do trabalho colaborativo com grupos de interesse e organizações sociais, doações, experiências de entretenimento, campanhas de bem público e voluntariado corporativo, a Disney contribui para melhorar a vida de crianças, famílias e comunidades. Mais informações em: www.CompromisoDisney.comwww.facebook.com/CompromisoDisney. Siga a hashtag #CompromissoDisney.

 

Segunda temporada de WESTWORLD estreia neste domingo



                                A segunda temporada de WESTWORLD


A segunda temporada de WESTWORLD estreia neste domingo, 22 de abril, às 22h no canal HBO. Para deixar os fãs ainda mais ansiosos, os criadores da série, Lisa Joy e Jonathan Nolan, contam um pouco do que vai acontecer na nova temporada.

 

A primeira temporada de WESTWORLD recebeu 22 indicações ao Emmy® e ganhou cinco prêmios. Entre outros reconhecimentos internacionais, o diretor Jonathan Nolan foi indicado aos prêmios DGA (Directors Guild of America) pelo final de temporada, e tanto ele como Lisa Joy foram indicados aos WGA (Writers Guild of America).

Para quem ainda não teve a oportunidade de assistir, todo o fascinante universo de WESTWORLD está disponível plataforma HBO GO.

Com base no filme escrito por Michael Crichton, WESTWORLD tem produção executiva de Nolan e Joy, juntamente com J.J. Abrams, Athena Wickham, Roberto Patino, Richard Lewis e Ben Stephenson. 

 

Sobre HBO Latin America 

A HBO Latin America é a rede de televisão por assinatura premium líder na região, respeitada pela qualidade e pela diversidade de sua programação, incluindo séries, filmes, documentários e especiais originais, além da exibição de séries exclusivas e de alguns dos mais recentes blockbusters de Hollywood, antes de qualquer outro canal premium. A programação é exibida em HD em mais de 40 países da América Latina e do Caribe por meio dos canais HBO, HBO2, HBO Signature, HBO Plus, HBO Family, HBO Caribbean, MAX, MAX Prime, MAX UP, MAX Caribbean e Cinemax. Seu conteúdo também é oferecido em outras plataformas, como a HBO GO e HBO On Demand.

 

Com Amor, Simon - Resenha Cine Acontece

com amor simon1
Elenco de Com Amor, Simon 

 

“Com Amor, Simon” é um filme leve, representativo e cativante.

 

É muito mais fácil encontrarmos histórias pesadas que falam sobre a homossexualidade, então quando um filme como esse aparece, é como se uma lufada de oxigênio e esperança aparecessem para renovar nossa crença no ser humano.

 

Não estou dizendo que é o melhor filme do ano sobre o tema, não é isso.

 

 

O longa é bom, mas principalmente é o modo como o tema é tratado que nos dá esperança.

 

Os jovens ainda sofrem muito para contarem aos seus familiares que são homossexuais e normalmente as histórias que ouvimos são tristes, porque incluem pais e mães que não aceitam seus filhos como são e acabam o rejeitando de formas diversas.

 

“Love, Simon” trata exatamente desse assunto, e de um modo completamente suave.

 

Baseado no livro “Simon vs. A Agenda Homo Sapiens” de Becky Albertalli, a história começa e conhecemos Simon, um jovem que tem uma vida excelente, como ele mesmo diz. Ele tem dezessete anos, tem uma família estruturada, mora em uma excelente casa, a qual chama de lar, estuda em um ótimo colégio, tem amigos caros e é popular.

 

com amor simon Nick Robinson em cena do filme "Com Amor, Simon"

 

Tudo seria perfeito se não fosse o fato de Simon não ter coragem de contar à sua família e aos seus amigos que é homossexual.

 

Tudo vai indo bem até que Simon conhece Blue, o pseudônimo de um garoto também homossexual que passa pelo mesmo problema que ele.

 

Os dois trocam mensagens por e-mails, não sabem quem são, mas acabam se apaixonando, (aliás a tentativa de descoberta de quem seja a pessoa é interessante tanto para o personagem quanto para o espectador).

 

 

Mas, no mundo atual, com todas as postagens em redes sociais, a privacidade corre perigo e é através de um computador da escola, que Simon deixa seu e-mail on-line e tem todos seus e-mails abertos por Martin, um garoto que passa a chantagear Simon.

 

Caso ele não o ajude a conquistar uma garota, ele vai contar para todo mundo que ele é gay.

 

A partir daí uma sequência de fatos engraçados acontecem, deixando a história ainda mais interessante de ver.

 

O diretor Greg Berlanti entrega uma direção tranquila, que caminha com a história e ainda conta com o apoio de um elenco que tem química, que envolve a plateia.

 

O destaque maior vai para o ator Nick Robinson que entrega um Simon inteligente, amistoso e corajoso.

 

Enfim, “Com Amor, Simon” é um filme que abre as portas para que famílias inteiras vá ao cinema e assistam juntos uma história que pode dar certo. Como disse antes, uma lufada de ar nesse mundo cheio de preconceitos.

 

 

Só para você ter uma ideia, esse é o primeiro filme de uma grande produtora de Hollywood cujo protagonista é um adolescente gay. Viu só? Recomendo!

 

 

Título Original: Love, Simon

Gênero: Drama/Comédia

Duração: 1 hora e 49 minutos

Ano de Lançamento: 2018

Direção: Greg Berlanti

Elenco: Nick Robinson, Jennifer Garner, Josh Duhamel, Katherine Langford, Alexandra Shipp, Logan Miller, Keiynan Lonsdale, Jorge Lendeborg Jr.

RITA VAZ

TUDO SOBRE FILME – www.tudosobrefilme.com.br

Última atualização em Qui, 12 de Abril de 2018 16:10
 

"Michael Jackson: On the Wall" na National Portrait Gallery

De 28 de junho a 21 de outubro de 2018, a HUGO BOSS patrocinará a ampla exposição "Michael Jackson: On the Wall" na National Portrait Gallery, em Londres. O projeto é o primeiro a mostrar a influência do ícone do pop sobre a arte contemporânea.

A exposição multifacetada engloba obras de mais de 40 artistas de todo o mundo, incluindo Rita Ackerman, Candice Breitz, Isa Genzken, David LaChapelle e Andy Warhol. Além des peças familiares, a exposição também apresenta novos trabalhos criados especialmente para este evento.

O projeto não só explorará o fato de tantos artistas contemporâneos se inspirarem no trabalho de Michael Jackson como um assunto, mas também o fato dele continuar tão presente e relevante em nossa imaginação cultural coletiva. Explorará também o impacto e influência do músico sobre esses artistas e o contínuo interesse por ele como uma figura cultural.

Ocasionado pela cooperação com a National Portrait Gallery e pelo contexto da exposição, peças selecionadas da coleção BOSS serão inspiradas por este projeto. Mais detalhes devem ser publicados em breve.

Para celebrar a abertura da exposição, a HUGO BOSS e a National Portrait Gallery farão um coquetel exclusivo para convidados na galeria em Londres, no dia 26 de Junho.

 

Última atualização em Qui, 05 de Abril de 2018 08:24
 

A morte de Luther King e os acontecimentos do mundo

Revolução cultural, política e sexual. Os fatos da década de 1960 instigaram os jovens a se tornarem protagonistas do maior momento político que o Brasil já foi palco. Muita história, luta e tragédia. A década é considerada pela grande tensão da disputa entre comunismo e capitalismo. Este período marcou o mundo inteiro.

O ano de 2018 marca o cinquentenário de 1968, o clímax da década de 60. Cenário de muitos acontecimentos como a instituição do AI-5, no Brasil, iniciando a época mais intensa e violenta da ditadura militar, e a Batalha da Maria Antônia. Pelo mundo, as notícias eram sobre a luta dos negros, a luta das mulheres, o assassinato de Martin Luther King e de Robert Kennedy, a Guerra do Vietnã, e acirrava-se a disputa entre os Estados Unidos e a União Soviética, que quase resultou na Terceira Guerra Mundial.

Em Cravo Vermelho, o autor paulistano Virgilio Pedro Rigonatti detalha com maestria a década de 60, pelos olhos de seu alter ego, Pedrina. Moça de classe média, curiosa e ávida leitora, narra em primeira pessoa todos os episódios de sua pacata vida na infância, os eventos que vê na TV e lê nos jornais. Descobre o mundo e maravilha-se com tanta informação que jamais sonhou em desfrutar.

A narrativa passeia por fatos como a construção de Brasília, os comunistas, a copa de 58, e o primeiro contato com notícias sobre a Rússia e EUA. Nos anos 60, já no ginásio, Pedrina conta a história de seu amigo de colégio, Valério, de uma família muito pobre, por quem ela nutriu um imenso carinho e, mais tarde, amor.

Enquanto a menina crescia e descrevia os acontecimentos de seu coração, corpo e convivências sociais, ela explica a guerra ideológica entre as duas potências imperialistas que levou à ditadura militar de direita e à organização da luta armada pelas esquerdas. Justiçamentos, assaltos e sequestros de um lado. Prisões, torturas e mortes de outro.

Pedrina e Valério vivem tempos de muita luta durante o desenvolvimento de suas vidas adultas, veem o amor nascer entre eles, e enfrentam o clima de confronto reinante na época. Não havia escapatória, o casal e seus amigos foram abarcados pelos fatos históricos da década e acabam vivenciando momentos trágicos e dramáticos

Cravo Vermelho é um retrato da sociedade e dos acontecimentos dos anos 60 no Brasil e no mundo. Transita pela inquietação da juventude em busca de novos caminhos, pelo embate ideológico entre direita e esquerda, pelo comodismo de grande parcela do povo, ao mesmo tempo em que revela uma história de amor comovente entre jovens que buscam seu lugar naqueles tempos conflituosos e de esperança.

Sobre o autor: Nascido em 22 de março de 1948, no bairro de Vila Anastácio, na cidade de São Paulo, Virgilio Pedro Rigonatti começou a escrever aos 60 anos. Desde sempre o contador oral das riquíssimas histórias da família, descobriu um prazer imenso em escrever ao registrar em um blog a trajetória do clã. Após lançar seu primeiro livro, Maria Clara, a Filha do Coronel, pela Editora Gente, romance baseado na vida de sua mãe, decidiu fundar a sua própria editora, a Lereprazer, cujo título de estreia é este Cravo Vermelho. Atualmente, Virgilio prepara o lançamento da sequência de Maria Clara e trabalha em um novo romance.

Última atualização em Qua, 04 de Abril de 2018 12:18
 

Atração cultural inédita no Brasil: Oscar do Circo

Respeitável público, apreciador da arte circense e espetáculos, o “Oscar do Circo” está confirmado para o Brasil e será realizado pela primeira vez em território nacional de 2 a 6 em São Paulo, no Anhembi. 1st Cirque International Festival of Brazil Contest,nome da edição nacional, estará sob uma das maiores lonas já vistas nos últimos tempos e trará grandes referências mundiais para compor o júri, como Eugene Chaplin, filho de Charlie Chaplin, atual presidente do Festival Internacional de Cinema de Comédia de Vevey e diretor do documentário “Charlie Chaplin: A Family Tribute”, entre outros espetáculos.

O evento é uma atração cultural inédita no Brasil, com apresentações abertas ao público. Além de ser uma grande oportunidade para os talentos brasileiros apresentarem seus números e compartilharem experiências únicas com os participantes que virão de outros países. “O festival é um acontecimento esperado há muito tempo no País. Um projeto que incentiva as atividades no segmento e expande a visibilidade da arte circense a um patamar com enorme qualificação”, afirma Jeferson Alexandre, produtor internacional e CEO da La Force Productions, a empresa produtora do evento.

O festival foi criado em 1974 pelo Príncipe Rainier III com o nome de Monte-Carlo International Circus Festival, e tornou-se o maior e mais importante do segmento no mundo. Em 2006, a Princesa Stéphanie de Mônaco assumiu a presidência do Festival e proporcionou ainda maior projeção. E o 1st Cirque International Festival of Brazil Contest seguirá os moldes da produção de Monte-Carlo, com o apoio da organização internacional do festival.

Serão mais de 70 artistas apresentando mais de 30 números de diversas categorias da arte circense, todos selecionados pela curadoria do evento, em meio a mais de 350 inscrições nacionais e internacionais. “Teremos talentos vindos de diversos países: China, Ucrânia, Rússia, Argentina, Suécia, Canadá, USA, Etiópia, Moldova, entre outros. Além dos artistas de toda parte do Brasil”, comenta Marlene Querubin, também organizadora do projeto e empresária conhecida como a primeira dama do circo no Brasil.

Ao lado de Jeferson Alexandre, a direção do elenco estará a cargo de Mathieu Laplante, produtor artístico do Canadá, fundador da Showtime Solution, tendo atuado por 10 anos no Cirque du Soleil.

Os ingressos para assistir ao 1st Cirque International Festival of Brazil Contest já estão à venda pelo Ingresso Rápido: www.ingressorapido.com.br. E para quem é de fora de São Paulo, foram criados pacotes especiais com hospedagem e alimentação no Holliday In Anhembi, hotel parceiro do evento.

Serviço

1st Cirque International Festival of Brazil Contest

De 2 a 6 de maio de 2018

Site www.cirquefestivalcontest.com.br

Midias sociais Facebook e Instagram: @cirquefestivalcontest

Apresentações abertas ao público: capacidade para mais de 2300 pessoas

Preços a partir de R$ 90 para crianças e R$ 180 para adultos

Compras antecipadas pelo Ingresso Rápido www.ingressorapido.com.br

Tem acesso a portadores de necessidades especiais

Climatizador

Estacionamento

Local: Anhembi - São Paulo – Capital (ao lado do Palácio das Convenções)

Última atualização em Qua, 04 de Abril de 2018 08:21
 


Página 1 de 22
Copyright © 2011 Acontece Curitiba. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por LinkWell.