Titãs e Alok se unem para nova versão de Epitáfio

imagem release 1555923 e1545924077995
Titãs e Alok no Caldeirão do Huck apresentaram nova versão da música "Epitáfio"

(Foto: Reprodução redes sociais)

 

Com uma bela mensagem para reflexão neste final de ano, a música foi gravada com a participação dos Titãs, especialmente para um quadro do programa Caldeirão do Huck, de final de ano, que vai ao ar amanhã, dia 29. Todos os direitos serão doados para a ONG Instituto Anelo, que trabalha a cidadania através da música.

 

"Foi incrível ter participado de um projeto como esse. Ainda mais sabendo que é em prol de uma causa tão nobre", conta Sergio Britto. "Foi um encontro instigante, divertido e mostrou mais uma vez que a música não tem limites", completa Branco Mello.

 

Já Tony Belloto falou sobre o encontro: "Unir a tradição titânica à modernidade do Alok, sob a

sensibilidade do Luciano (Huck), em prol do talento e da generosidade do Luccas e do pessoal da Anelo, num projeto divertido e criativo, comprova mais uma vez que só a educação pode transformar o Brasil", reflete o guitarrista. Luccas Soares é o criador da Anelo e ensina música para as crianças da comunidade onde nasceu.

 

A gravação, feita no estúdio Mosh, em São Paulo, teve produção musical de Alok, Bhaskar e Adriano Machado.

 

"Eu e meus pais sempre tivemos os Titãs como uma referência musical e Epitáfio traz uma mensagem muito legal, com uma singularidade que torna o sentimento envolvido na canção ainda mais forte. Virou trilha sonora na minha vida, ouço ela sempre. Sem dúvida, foi a realização de um sonho ter a oportunidade de fazer um trabalho com essa banda de quem eu sou super fã, produzindo uma nova versão de um sucesso que vai além da sonoridade, passando um sentimento bom para as pessoas. Estou muito feliz com o resultado e agradeço ao Luciano, aos integrantes da banda e toda a equipe envolvida por me proporcionarem tamanha satisfação e realização profissional e pessoal gerando um impacto direto em um projeto social tão bonito", finaliza Alok.

 

Siga os passos de Alok pelo mundo:

Site oficial: www.aloklive.com.br

Instagram: www.instagram.com/alok

Facebook: www.facebook.com/livealok

YouTube: www.youtube.com/user/livealok

Spotify: http://twixar.me/7bw3

Soundcload: http://soundcloud.com/livealok

Última atualização em Sex, 28 de Dezembro de 2018 18:43
 

Estratégia : Marketing e as celebridades

A contratação de celebridades já se tornou algo comum para as empresas, que entenderam os benefícios que são trazidos a partir desta estratégia. Ao colocar em prática esse tipo de ação, as marcas buscam gerar uma associação entre o público e o artista. A personalidade do "famoso" é usada para convencer o consumidor a se vincular ao produto ou serviço.

O que muitas pessoas não conhecem é o processo ao redor da contratação desses profissionais. A entrega de briefings, campanhas, orçamentos, propostas, contratos, budgets, aprovação de roteiros, fotos e filmes são apenas alguns pontos do trabalho árduo das agências. A performance é avaliada com base nos projetos fechados, proporcionando uma base firme nas tomadas de decisão, gestão de crises e identificação de oportunidades.

A pesquisa é fundamental para alinhar a escolha da celebridade com o comportamento do público, até porque a negociação com atrizes e atores globais, influenciadores, atletas e cantores desenvolve características como comunicação, criatividade, sabedoria e feeling. Os principais canais utilizados para veicular essas ações são as mídias impressas, as redes sociais e a publicidade digital e offline, o que exige um conhecimento multimídia dos responsáveis pelo projeto.

Na minha carreira, tive mais de mil contratações artísticas e, a partir delas, desenvolvi uma metodologia que facilita o procedimento de encontrar o artista adequado para determinada marca. Muitos pontos são avaliados, como credibilidade, tom de voz, comportamento e entre outros, o que torna a escolha do match mais trabalhosa e por isso é tão importante a otimização do ofício. O que importa não é o que fazemos e sim como fazemos, portanto se capacitar e ter ao lado profissionais qualificados para trilhar a caminhada, é essencial.

Sobre Paula Gertrudes
Paula Gertrudes é CEO e fundadora da Connection, plataforma que monitora e conecta marcas à celebridades por meio de metodologia aplicada à inteligência artificial. Com mais de 20 anos de experiência em conteúdo artístico e criativo para publicidade, live marketing e digital, Paula é sócia dos empresários Marcus Buaiz, Charles Martins e Marco Serralheiro na Act10n, agência especializada na gestão de celebridades, no qual desenvolveu metodologia de para unir empresas à artistas e personalidades.

 

*foto ilustrativa

Última atualização em Qui, 27 de Dezembro de 2018 10:00
 

Cinco tendências mundiais que vão impactar a educação brasileira em 2019

Diante de um cenário incerto, complexo e ambíguo, a educação pode fazer a diferença no futuro. De acordo com o levantamento internacional a longo prazo  Educação 2030, feito pela OECD (Organisation for Economic Co-operation and Development), serão necessárias novas soluções educacionais já que o mundo está em constante mudança social, econômica e ambiental. Deverão ser traçados objetivos mais amplos na educação, como o bem-estar individual e coletivo; e certamente será desenvolvido um novo conjunto de conhecimentos, habilidades, atitudes e valores nos estudantes.

A curto prazo, segundo Elton Ivan Schneider, diretor da Escola de Negócios do Centro Universitário Internacional Uninter, já em 2019 o uso da tecnologia será ainda mais necessário, incluindo o surgimento de novas profissões nesse segmento, como profissionais para atuar em Gestão de Startups, Varejo Digital, E-commerce, Blockchain, Finanças Digitais, Fintechs, Global Trading (Negócios Globais), jogos digitais, segurança cibernética, Coaching, entre outros. “Além disso, a otimização do tempo é cada vez mais valorizada por quem procura cursos superiores”, explica o professor.

Schneider selecionou cinco tendências relevantes para o mercado brasileiro. Confira: 

1.       Blended Learning

Também conhecido como ‘aprendizado híbrido’ ou ‘modelo semipresencial’, essa metodologia combina sala de aula e educação on-line. O foco é na integração de ferramentas digitais, técnicas e materiais virtuais com a sala física. O modelo semipresencial também surge como alternativa para reduzir a evasão no ensino superior, já que os estudantes podem conciliar a vida acadêmica, profissional e pessoal com mais tranquilidade e a preços mais acessíveis. Na Uninter, o sistema já é utilizado desde 2014.

2.       Gamification

A gamificação é uma técnica de aprendizagem que trabalha a dinâmica de jogos lúdicos para criar mais engajamento dos estudantes no ensino e facilitar a absorção de conteúdo. Apelando para os adeptos do futebol, o LearnMatch, por exemplo, utiliza sessões de treino e friendly games para tornar o aprendizado divertido para os estudantes. Já a Phonics, da Oxford University Press, usa cantos, músicas e jogos para ajudar a desenvolver a consciência fonológica de crianças em idade pré-escolar.

Essa técnica é muito utilizada nos cursos de Engenharia da Uninter. Os laboratórios de simulação virtual atendem a esta perspectiva e permitem ao aluno a simulação de laboratórios de física, química e materiais, em modo on-line, em qualquer lugar do Brasil, desde que conectados à internet.

3.       Segurança no mundo on-line

A maioria das instituições de ensino têm refletido sobre como manter fora dos seus portões ameaças de violência armada, agressões e bullying. No entanto, o ambiente digital também exige essa preocupação relacionada à segurança. Quanto mais comum for o acesso à tecnologia, mais necessário será manter os estudantes a salvo de perigos cibernéticos. As instituições de ensino brasileira precisam investir mais em proteção de dados, ciberbullying e falsificações, já que o ambiente on-line pode facilitar a ocorrência de plágios e crimes ligados à produção autoral.

Pensando em formar profissionais capazes de prevenir tais ocorrências, a Uninter lança em 2019 um curso superior de Tecnologia em Segurança Cibernética.

4.       Mestrado e doutorado a distância

No relatório do eLearning Inside News, o Massachussets Institute of Technology (MIT) divulgou que conquistou resultados excelentes em seu mais recente programa de mestrado on-line. O programa permitiu que uma equipe de alunos concluísse um ano de curso on-line pelo seu programa MITx. Os alunos que concluíram a primeira parte do programa de mestrado on-line foram considerados tão preparados quanto seus colegas no campus.

No Brasil, já há debates intensos sobre a oferta de programas de mestrado e doutorado no modelo a distância. Com a entrada do novo governo, é possível que outros avanços sejam conquistados ao longo de 2019 em relação ao tema.

5. Dispositivos integrados de ensino

Com mais alunos usando vários dispositivos entre a casa e a instituição de ensino, programas que permitam a “malha de dispositivos”, ou seja, que funcionem em smartphones, tablets e computadores, serão fundamentais no processo de educação continuada. Essa tendência em relação a ferramentas que funcionam em plataformas - geralmente via nuvem - foi refletida em vários produtos da conferência da Sociedade Internacional para Tecnologia em Educação (ISTE) 2018.

Além da plataforma on-line do AVA Univirtus, os alunos da Uninter dispõem de um aplicativo para celular com acesso às aulas e materiais didáticos digitais. Pacotes de softwares, como o Creative Cloud Adobe, são disponibilizados aos estudantes de Publicidade e Propaganda, Jornalismo e Marketing Digital, por exemplo. 

Sobre o Grupo Uninter 

O Grupo UNINTER é o maior centro universitário do país, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep).  Sediado em Curitiba – PR, já formou mais de 500 mil alunos e, hoje, tem mais de 200 mil alunos ativos nos mais de 200 cursos ofertados entre graduação, pós-graduação, mestrado e extensão, nas modalidades presencial, semipresencial e a distância. Com mais de 700 polos de apoio presencial, estrategicamente localizados em todo o território brasileiro, mantém quatro campi no coração de Curitiba. São 2 mil funcionários trabalhando todos os dias para transformar a educação brasileira em realidade. Para saber mais acesse uninter.com.

 

Alok e Padre Fábio de Melo compartilham mensagem de Natal

Alok acaba de divulgar um vídeo em suas redes sociais que promete emocionar o público. A mensagem, narrada pelo Padre Fábio de Melo, traz um lindo texto sobre o Natal para ser compartilhado com todos. Direto do Cristo Redentor no Rio de Janeiro, a produção remete a um momento de reflexão para agradecer pelas coisas boas da vida e promover a paz, sem diferenças.

 

Assista agora em -> http://www.instagram.com.br/p/Brv_9GXldr_/?utm_sourche=ig_share_sheet&igshid=1f9y69pu1lwv4

 

Estimativa do prêmio da mega da virada aumenta para R$ 280 milhões

mega sena 9640 10551
Valor acumulado passa a compor a 10ª edição do concurso especial (Foto: Reprodução Google imagens)

 

O prêmio da 10ª edição da Mega da Virada pode chegar a R$ 280 milhões. Sem apostadores vencedores no último sorteio regular, realizado na noite desta quinta-feira (20) em Conselheiro Pena (MG), o valor acumulado passou a compor a premiação principal da edição especial.

As apostas exclusivas para a Mega da Virada começam nesta sexta-feira (21). A partir de hoje, todas as apostas registradas concorrerão ao sorteio especial de fim de ano, inclusive os registrados em volantes regulares da Mega. A 10ª edição do concurso especial tem prêmio estimado em R$ 280 milhões.

Caso apenas um ganhador leve o prêmio da Mega da Virada e aplique todo o valor na Poupança da CAIXA, receberá mais de R$ 1 milhão em rendimentos mensais. O dinheiro do prêmio é suficiente para adquirir duas ilhas particulares com iates de luxo.

Como apostar:
As apostas para a Mega da Virada podem ser feitas até as 16h (horário de Brasília) do dia 31 de dezembro em qualquer lotérica do país e também no Portal Loterias Online (www.loteriasonline.caixa.gov.br).

Outra opção é o Bolão Caixa, no qual que os apostadores podem dividir cotas com amigos e familiares. Na Mega-Sena, os bolões têm preço mínimo de R$ 10,00, mas cada cota não pode ser inferior a R$ 4,00. É possível realizar um bolão de no mínimo 2 e no máximo 100 cotas. O bolão também pode ser solicitado diretamente ao atendente da lotérica, informando os números da aposta e a quantidade de pessoas que participarão.

A aposta simples custa apenas R$ 3,50. Titulares de conta corrente na CAIXA podem fazer suas apostas na Mega da Virada pelo computador, tablet ou smartphone utilizando o Internet Banking CAIXA. Para isso, basta ter conta corrente no banco e ser maior de 18 anos.

O sorteio será realizado no dia 31, véspera do Ano Novo, a partir das 20h, nos estúdios da TV Globo, em São Paulo. As apostas começaram dia 05/11 e o prêmio não acumula. Se não houver ganhadores na faixa principal, o prêmio será rateado entre os acertadores da quina (5 números) e assim por diante.

Combo de apostas no Portal Loterias Online:
Já está disponível no Portal Loterias Online a funcionalidade dos combos de apostas. São cinco diferentes conjuntos de apostas, que podem ser de apenas uma modalidade (a Mega da Virada) ou de várias modalidades.

Na seleção do combo, o cliente pode escolher entre visualizar os números selecionados em cada aposta ou o formato "Surpresinha", no qual o sistema escolhe aleatoriamente os números da aposta, quando da sua efetivação.

O apostador pode escolher entre as seguintes opções:

Especial: Pacote contendo nove apostas para o concurso da Mega da Virada a ser sorteado no dia 31/12/2018;
Super Milionário: Pacote contendo cinco apostas para a Mega da Virada e quatro apostas da Mega-Sena.
Milionário: Pacote contendo três apostas para a Mega da Virada e duas apostas para cada uma das seguintes modalidades: Mega-Sena, Lotomania, Lotofácil, Timemania, Dupla Sena.
Muito Dinheiro: Pacote contendo uma aposta para todas as modalidades, exceto Loteca e Lotogol, e cinco apostas para a Mega da Virada.
Sorte Fácil: Pacote contendo seis apostas do Dia de Sorte, seis apostas da Lotofácil e cinco apostas da Quina.

Última atualização em Sáb, 22 de Dezembro de 2018 17:36
 

De volta às origens: Michel Teló lembra tempo do Grupo Tradição em show memorável do Natal de Foz

20181221NR7669
Michel Teló se apresentou na última sexta-feira (21) em Foz do Iguaçu (Foto:Nilton Rolin / Itaipu Binacional)

 

 

 

O cantor Michel Teló já é familiarizado com Foz do Iguaçu. Pela região, ele tocava ainda nos tempos dos bailões promovidos pelo Grupo Tradição, no início dos anos 2000. Na noite desta sexta-feira (21), o músico, que é nascido em Medianeira, a 60 km da fronteira, pôde voltar às origens, relembrar antigos sucessos e emocionar o público que compareceu ao Gramadão da Vila A, na programação do Natal de Foz que tem o patrocínio da Itaipu Binacional.

 

“Só tenho que agradecer a alegria de voltar para Foz do Iguaçu, minha região, minha terra natal”, disse o músico. “Agradeço à Itaipu pelo convite e confiança para fazer esse show nessa cidade que eu tanto gosto”. Durante o espetáculo, Michel Teló pediu uma salva de palmas à usina hidrelétrica, motivo de orgulho da região. “Eu conheço Itaipu desde pequeno, tenho lembranças de vir pra cá com meus pais visitar as Cataratas e a hidrelétrica. É uma coisa surreal, gigantesca. Uma obra maravilhosa”, concluiu.

 

O show de Teló foi o momento mais esperado do Natal de Foz, que começou no dia 7 de dezembro e vai até 20 de janeiro, com programação no centro da cidade e na Vila A. “Ele tem uma conexão com a região, tem uma memória afetiva com a cidade e a cidade com ele”, resumiu Patrícia Iunovich superintendente de Comunicação Social de Itaipu, área responsável pelos eventos no Gramadão.

 

“O Natal no Gramadão significa uma ocupação do espaço pela comunidade em uma data tão especial. A gente quer que o local seja ocupado cada vez mais”, afirmou Patrícia. “O Natal representa um incremento muito grande no turismo da cidade e Itaipu não poderia deixar de participar”, concluiu.

 

 

Para o diretor presidente da Fundação Cultural, Juca Rodrigues, Foz do Iguaçu deve fortalecer o turismo de Natal, com eventos cada ano mais grandiosos. “Nossa expectativa é que este seja o maior de todos natais, batendo o recorde do ano passado de 150 mil pessoas que circularam pelo centro e pela Vila A”, diz Rodrigues. “E a Itaipu tem sido uma grande parceira dando uma força fundamental à cultura da cidade”.

 

20181221NR7622
Michel Teló lembra do seu início de carreira quando se apresentava com o Grupo Tradição. (Foto:Nilton Rolin / Itaipu Binacional)

De volta às origens

A apresentação de Teló foi antecedida pelo espetáculo do Coral de Itaipu, que cantou músicas natalinas com o acompanhamento de uma camerata. No repertório, temas com Kyrie Eleison (de Capiba), Hallelujah, Glória, Deo Dicamus Gratias e Noite Feliz. O show do Coral preparou o público para a grande apresentação da noite.

 

Teló tocou músicas dos tempos do Grupo Tradição, como “Barquinho”, e fez o público dançar. Ele também apresentou seus grandes sucessos, como “Fugidinha” e “Ai se eu te pego”, além de clássicos sertanejos de Chitãozinho e Xororó a Zezé di Camargo e Luciano e Tonico e Tinoco. Todo mundo cantou junto o refrão de “Evidências”. No final do show, o cantor incorporou ao repertório a canção natalina “Noite Feliz” emocionando o público.

 

“A gente escuta ele cantar desde criancinha. Eu falava para o pai dele ‘tem que investir neste menino porque ele tem futuro’”, contou Ivete Teló Abatti, madrinha e tia de Michel, que acompanhou o show ao lado dos irmãos (e também tios do cantor) Moacir, Joice e Gessi. Todos os parentes vieram de Medianeira, junto com primos e primas para ver o Teló famoso. “Todo mundo canta lá em casa. Ele é o orgulho da família”.

 

Quem também estava entusiasmado com a apresentação foram os amigos André Luiz, 21 anos, e Yassmin Hamad, 19. Eles enviaram um e-mail para a produção do cantor e conseguiram entrar no camarim para tirar uma foto. “Quase não acreditei quando recebi a resposta da produção. Sou fã desde os bailões aqui na região”, resumiu André.

 

 

 

A Itaipu

Com 20 unidades geradoras e 14 mil MW de potência instalada, a Itaipu Binacional é líder mundial na geração de energia limpa e renovável, tendo produzido, desde 1984, mais de 2,6 bilhões de MWh. Em 2016, a usina brasileira e paraguaia retomou o recorde mundial anual de geração de energia, com a marca de 103.098.366 MWh. Em 2017, a hidrelétrica foi responsável pelo abastecimento de 15% de toda a energia consumida pelo Brasil e de 86,4% do Paraguai.

Última atualização em Sáb, 22 de Dezembro de 2018 17:23
 


Página 2 de 264
Copyright © 2011 Acontece Curitiba. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por LinkWell.