3ª edição do Festival Gastrotiba Alegra

01

Até o dia 30 de dezembro, 13 restaurantes da Capital servirão pratos elaborados com picanha suína por um preço único. Cana Benta oferece Iscas de picanha suína flambada na cachaça e picles (Créditos: Bruno Vaz)

 

Nesta segunda-feira (3/12) Curitiba deu início a mais uma edição do já consagrado Festival Gastronômico Gastrotiba Alegra. Pela terceira vez na Capital, o evento trará como novidade pratos de picanha suína criados exclusivamente para o festival e preparados pelos 13 restaurantes participantes, ao preço fixo de R$ 39,90.

Na 3ª edição, o nome destaque do evento é Festival Picanha Suína Alegra, fazendo menção ao corte que será utilizado pelos estabelecimentos para produzir receitas especiais. “O foco tradicional do encontro, desde a sua primeira edição, é a carne suína, pois a Alegra entra como a apoiadora oficial do Festival. Essa é uma forma que temos de promover ainda mais a carne suína e seus variados cortes entre os clientes dos principais restaurantes da cidade”, avalia o analista de marketing da Alegra, Amauri Castro.

Dentre os pratos que serão oferecidos estão “Picanha suína Thai”, “Picanha suína ao molho Pistache”, “Picanha Maiale”, “Picanha Suína com Cuscuz de castanhas”, entre outros.

O Festival Picanha Suína Alegra é uma ação do Gastrotiba, um grupo independente que visa divulgar a culinária local com pratos de ingredientes nobres, mas com preços acessíveis. Nesta edição, o evento segue até o dia 30 de dezembro e os pratos podem ser conferidos nos restaurantes participantes durante os horários de funcionamento das casas. Confira abaixo os restaurantes participantes e os pratos criados pelos chefs:

Insensatos Hamburgueria e Petiscaria
Prato: Petisco Insensatos Pork Lemon
Descrição: Picanha suína Alegra cortada em tiras, refogada com shoyo, ervas finas e alho moído torrado, coberto com creme de alho. Acompanha batata rústica sem casca com lemon pepper.
Chef: Diego Sansana

Marbô Bakery
Prato: Picanha suína Thai
Descrição: Picanha grelhada, crosta de pimenta e gergelim (levemente picante), biro biro de castanhas e sementes, musseline de banana da terra, charuto de pupunha e espinafre orgânico com pico de nozes.
Chef: Marcos Bortolozo

Cantina do Délio
Prato: Braciole di Maiale com patate dolce i sottaceti di cipolla
Descrição: Picanha suína grelhada com purê de batata doce e picles de cebola roxa
Chef: Rafael Gonçalves

Pistache Pizza e Gastronomia
Prato: Picanha suína ao molho Pistache
Descrição: Picanha suína grelhada coberta com molho de pistache, acompanhadas de batatas rústicas ao creme de Aji, salsa verde e sagu de balsâmico e laranja, caprese de palmito tostado e pesto de rúcula
Chef: Alê Gonçalves

Silzeu's
Prato: Picanha embriagada
Descrição: Picanha suína fatiada marinada com alecrim e tomilho, cerveja preta, alho triturado e sal temperado
Chef: Inês Portela

Quitutto Gastropub
Prato: Picanha braseada
Descrição: 450g de picanha suína braseada em parrilla argentina e mix de legumes assados e confitados na brasa, acompanha vinagrete campeiro e farofa com bacon
Chefs: Rafael Kulia e Adones

Forneria Copacabana
rato: Picanha Suína com purê de abóbora
Descrição: Picanha suína grelhada servida com purê cremoso de abóbora, sálvia e crispy de parma
Chefs: Beto Madalosso e Wellinton Almeida

Bar Quermesse
Prato: O bar do porco
Descrição: Picanha suína fatiada, chapeada na banha de porco, coberta por calda de goiabada picante acompanhada de batatas rústicas.
Chef: José Neto

Limoeiro
Prato: Picanha Maiale
Descrição: Picanha suína grelhada acompanhada de risotto de alho poró
Chef: Vania Krekniski

Peruano Gastronomia e Cultura
Prato: Picanha Nativa
Descrição: Suculenta picanha suína grelhada, com guarnição de amatalado caribenho, pacotones colombianos, chutney artesanal de morango e "chalaquita" vinagrete peruano
Chef: Fernando Matsushita

Gordo e Magro
Prato: Picanha suína Gordo e Magro
Descrição: Picanha suína com tempero da casa, batata frita com lemon pepper e onion rings
Chef: Maurício Fontana

Cana Benta
Prato: Iscas de picanha suína flambada na cachaça e picles
Descrição: Iscas de picanha suína flambada na cachaça artesanal, acompanha picles e raíz forte
Chef: Délio Canabrava

Quintana Gastronomia
Prato: Picanha Suína com Cuscuz de castanhas
Descrição: Picanha suína grelhada, molho de vinho e especiarias, cuscuz de castanhas, legumes orgânicos, ervas e um toque de maracujá
Chef: Gabriela Vilar Carvalho

Última atualização em Ter, 04 de Dezembro de 2018 12:58
 

Estúdio Campetti participa do 3º Joiarte

206ebcfd b5fc 405a a7b0 9932ecddd063

 

 

Arquiteta à frente do Estúdio Campetti, a curitibana Márcia Campetti descobriu na cerâmica sua paixão na área do design. O que começou como uma aventura escultórica tomou forma e espaço maiores em sua trajetória. Sem uso de moldes prontos, toda forma é projetada e concebida manualmente. Martti Cerâmica, a marca de design do escritório, estará neste final de semana no Joiarte, evento múltiplo organizado por designers curitibanos, criadores de acessórios de moda, apresentando joias em cerâmica. A feira acontece no sábado e no domingo (dias 01 e 02/12) em Curitiba, no Rausel Batel - Café + Vinho.

Os metais que estruturam as peças da Martti Cerâmica são compostos de ródio negro e ouro 18k de alta qualidade e o resultado metalizado das peças vem do revestimento de vidrados e óxidos a altas temperaturas. O processo de criação é dedicado e adere a cultura slow. A expressão da tectônica está estampada nas peças em forma de arte.

Além da exposição, acontecerão painéis abordando temas atuais e relevantes para o público que aprecia a arte e a moda, bem como o uso prático das tendências mundiais e do consumo consciente. Cada painel tem um custo de R$35,00 e os ingressos podem ser adquiridos pelo site  Sympla

 

5f5e2256 cd68 4976 9fde f5215dc76227

 

8abc7739 132e 4397 953b ace4ef48ea97

Última atualização em Sex, 30 de Novembro de 2018 18:07
 

Mueller Ecodesing Social

IMG 1363

Ambientes foram transformados por 70 profissionais - arquitetos, designer e paisagistas. Ricardo Targa Stramandinoli, Rafaela Targa Stramandinoli e Maicon Rodolfo Hamm (Crédito: Kelly Knevels)

 


As 30 crianças que moram no Lar Infantil Sol Amigo (Lisa) receberam, nesta terça-feira (20), as casas revitalizadas pelo projeto Mueller Ecodesign Social. Foram 585m² com 35 ambientes transformados deixando os espaços mais lúdicos, interativos e aconchegantes. A cerimônia de entrega contou com a participação de mais de 300 pessoas, dentre elas arquitetos, representantes de empresas parceiras e os moradores do Lar.

O projeto escolheu a entidade por meio de votação popular, realizada em março deste ano. O espaço conta com três casas, um ambiente de convivência e jardim que foram reformados por 70 profissionais - arquitetos, designers, paisagistas e outros parceiros de 34 escritórios.

Segundo a presidente do Lar, Marta Ortiz, o projeto e os arquitetos demonstraram muita sensibilidade com as crianças. “Nós jamais teríamos a possibilidade de realizar as transformações que foram realizadas pelo projeto. Tudo foi acompanhado passo a passo e atentando-se aos detalhes que são muito peculiares do acolhimento das crianças”, agradece Marta. Além de abrigar os 30 jovens entre zero e 18 anos, moram, ainda, no Lisa, mais seis responsáveis e a instituição recebe diariamente voluntários. 

Em todas as edições, o projeto foi coordenado pela arquiteta Rose Guazzi, especialista em arquitetura sustentável, que destaca o uso de, pelo menos, três sistemas com produtos reutilizados. “O pilar do projeto é o desenvolvimento sustentável, por isso foram reutilizados produtos como tecido, PVC e garrafa pet. Além disso, o banheiro contou com um sistema de controle de eficiência, que mostra a quantidade da água usada”, acrescenta.

Esta é a 5º edição do projeto voltado para a assistência social e o 11º ano do Mueller Ecodesign.A superintendente do Shopping Mueller, Daniela Baruch, relata que o projeto já recebeu prêmios nacionais e internacionais, como o prêmio Abrasce, maior reconhecimento nacional do segmento de shoppings, por proporcionar uma transformação física e social em instituições. “Ao tornar-se um projeto social, conseguimos devolver um pouco para a sociedade do que ela nos proporcionou nos 35 anos de shopping. E o melhor, com a ajuda de pessoas e empresas que queriam colaborar e fazer a diferença na vida das crianças” acrescenta.

Arquitetos parceiros da obra
Participaram do projeto: Carolene Coimbra; Fábio Aguiar; Beth Egas; Mariana Savi; Sabrina Serta; Tainah Paiva; Viviane Busch; Keila Kinder; Fernanda Viero; Jane Rocha; Suzane Simon; Marli Manfroi Faust; Ivangela Curra; Carla Saad; Fabiana Cristina Campos; Zeh Pantarolli; Diego Miranda; Mônica Floreste; Rafael  Cozikizky; Ivana Guimarães; Simone Weber; Elizane  Souza; Daniela Martins; Vinicius Trevisan; Gisele Ramos; Helaine Goes Pinterich; Xênia Sperandio; Symon Hilgemberg; André Panatto; Rodrigo Garcia; Jaqueline Siebert; Vanessa Mayer, Lyse França; Clarice Volpi; Simone Volpi Zoller; Daniel Casagrande; Luiz Maganhoto; Olga Bergamini; Karin Neitzke; Arianne Ribeiro; Berenice Veiga Ribeiro; Mônica Moro Harger; Fernanda Morishita; Sandro Percicotti; Andréa Benthien; Silvia Ferreira; Claudia  Sovierzoski; Paula Santos Segalla; Renato Sabadin; Liamara Zardo Selbach; Tiago de Oliveira Alves; Carla Armstrong; Juliana Lahoz; Leonardo Hauer; Cleverson Tramujas; Ricardo Targa Stramandinoli; Maicon Rodolfo Hamm; Rafaela Targa Stramandinoli; Nadia Bentz; Vanderlan Farias; Priscila Mileke; Ana Crivellaro, Laryssa Rocha, Katia Faust, Frederico Pipa, Fernanda Rodrigues, Gabriel Assad, Luan Henrrique Rechetelo dos Santos, Rose Guazzi e Marcelo Calixto. Também participaram do projeto os alunos do Centro de Educação Profissional de Design, Artes e Profissões (CEPDAP): Graziela Almeida, Nilmara Parra, Reginaldo Pampuche Pepplow, Rafael Schmuker e Tania Maria Fonseca Salgado. O CEPDAP é parceiro educacional da edição 2018 do Projeto Mueller Ecodesign Social.  Além dos arquitetos e alunos, outras 374 empresas apoiaram a revitalização do Lar.

 .

A história do Projeto Mueller Ecodesign Social

Construído a partir da Mostra Mueller Ecodesign, iniciada em 2008, que durante seis anos projetou ambientes assinados por profissionais de arquitetura e design de interiores, o Projeto Mueller Ecodesign Social surgiu através do mesmo pilar: a sustentabilidade. A principal proposta, quando foi criado o projeto, era de levar a exposição do Shopping Mueller para espaços reais, amparando diretamente o público. Em todas as edições, a proposta sempre foi a mesma: a de alcançar os jovens, beneficiando-os diretamente com as melhorias realizadas no local onde frequentam.

Em sua primeira edição, em 2014, o projeto atendeu a Casa do Piá 1, já a segunda edição, em 2015, contemplou a Casa das Meninas do Novo Mundo. A terceira edição do projeto, reformou o Portal do Futuro do Bairro Novo, e a quarta edição revitalizou o Lar Batista Esperança, as quatro instituições curitibanas. Na edição de 2018, os coordenadores técnicos convidados pelo Shopping Mueller, continuam sendo a arquiteta Rose Guazzi e o arquiteto e paisagista Marcelo Calixto.

SERVIÇO:
Projeto Mueller Ecodesign Social 2018
Informações: 
www.shoppingmueller.com.br
Facebook
http://www.facebook.com/MuellerCtba
Twitter
http://twitter.com/muellercwb
Instagram:
 @muellercwb

Última atualização em Seg, 26 de Novembro de 2018 14:30
 

LIDE Mulher Paraná é lançado em Curitiba

01
O LIDE Mulher Paraná propõe incentivar mulheres a buscar liderança e seu espaço no mercado empresarial. A atuação organização será por meio de uma plataforma exclusiva e qualificada de networking, relacionamento e conteúdo (Crédito das imagens: Rubens Nemetz Jr.)

         

Na última terça-feira (20), aconteceu, no Castelo do Batel, o almoço de lançamento do LIDE Mulher Paraná, presidido pela advogada e managing partner da Nelson Wilians & Advogados Associados, Sandra Comodaro. O evento também contou com um bate-papo com a presidente da UPS Brasil e comandante do LIDE Mulher nacional, Nadir Moreno; e com a empresária, palestrante e apresentadora do programa Shark Tank Brasil, dos Canais Sony e Band, Cristiana Arcangeli.

Por meio de encontros de mentoria, o LIDE Mulher Paraná propõe o incentivo para outras mulheres se inspirarem na busca da liderança em cargos de chefia, ressaltando o empoderamento no meio empresarial.

De acordo com Nadir Moreno, a maior luta que o LIDE Mulher tem é pela igualdade de gênero no ambiente corporativo, por meio de networking entre profissionais e filiados. “Somente 15% dos cargos de liderança são de mulheres, por isso temos essa preocupação. Além disso, se mais mulheres ocupassem grandes cargos, haveria uma maior contribuição financeira”, afirma.

Cristiana Arcangeli, uma das empresárias que mais influenciou no segmento da moda no país, ressaltou que o Brasil está em 18° lugar no ranking de empreendedorismo no mundo e incentivou as mulheres a empreenderem cada vez mais. Porém, destaca o desafio que as mulheres enfrentam para progredir e crescer  com as suas empresas.

A executiva também contou sobre seu programa no Youtube, “O Pulo da Gata”, no qual oferece mentorias para empresárias, orientando-as sobre organização e liderança. “Esses encontros do LIDE Mulher são extremamente importantes, pois neles, acontecem trocas de informações e experiências, contribuindo para o crescimento profissional”, finaliza.

A atuação do LIDE Mulher Paraná será por meio de uma plataforma exclusiva e qualificada de networking, relacionamento e conteúdo, sendo restrita às filiadas, que contará com mulheres empreendedoras e com cargos de liderança de gestão. "O propósito principal é focar no fortalecimento e o empoderamento da posição das mulheres à frente de empresas, geradoras de negócios e fomentadoras do desenvolvimento econômico", destaca a presidente local, Sandra Comodaro.

As mentorias serão realizadas, periodicamente, quando as filiadas participarão de encontros com grandes CEOS e lideranças do meio empresarial, para trocar experiências, abordando questões de mercado. Para o lançamento do LIDE Mulher Paraná, um seleto grupo de mulheres empreendedoras e executivas foi selecionado.

Para o presidente do LIDE Paraná, o empresário Fabrício de Macedo, esta ação mostra mais um importante passo da entidade no estado. "No início do ano lançamos o LIDE Futuro e agora oficializamos a criação do LIDE Mulher, com isso mostramos o real objetivo da nossa entidade que é o fortalecimento e empoderamento no meio empresarial. Criamos uma agenda forte e tenho certeza que aqueles que tem participado dos nossos encontros tem aproveitado um ambiente rico de networking e conteúdo, essa é a base do nosso trabalho", destaca.

 Mais informações de como participar do LIDE Mulher escreva para  Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .

Um pouco sobre o LIDE

O Lide – Grupo de Líderes Empresariais é, atualmente, presidido por Luiz Fernando Furlan (chairman do LIDE e presidente do LIDE Internacional) e por Roberto Giannetti da Fonseca (vice-chairman). O grupo conta com mais de 1.700 empresas filiadas, que juntas congregam 57% do PIB privado do Brasil, sendo a mais qualificada plataforma empresarial independente do país. Tem matriz em São Paulo e unidades em diferentes estados brasileiros, além do Paraná. O grupo também está presente internacionalmente, em quatro continentes, nos seguintes países: Alemanha, Angola, Argentina, Chile, China, Estados Unidos, Itália, Marrocos, Moçambique, Portugal, Uruguai e Oriente Médio. As atividades do Lide Paraná têm o patrocínio de gestão da Sanepar. 

Última atualização em Sex, 23 de Novembro de 2018 14:54
 

Sesc Triathlon Caiobá - Inscrições abertas

Sesc Triathlon Caiobá
Sesc Triathlon Caiobá abre período de inscrições com novidades para a edição 2019 (Foto: Divulgação)

A partir das 9h do dia 26 de novembro, trabalhadores do comércio de qualquer estado brasileiro e empresário de bens, serviços e turismo do Paraná poderão realizar a inscrição para a 31ª edição do Sesc Triathlon Circuito Nacional – etapa Caiobá. Para o público em geral, as inscrições, com as vagas remanescentes, terão início às 9h do dia 4 de dezembro. A prova será realizada na Praia Mansa de Caiobá, em Matinhos, litoral do Paraná, no dia 24 de março de 2019.

Para a próxima edição o número de vagas foi ampliado e a novidade para a edição de número 31 é o revezamento em trio.

A competição é realizada nas distâncias olímpica (1,5 km para a natação, 40 km para o ciclismo e 10 km para a corrida, para as categorias Elite e Amador Olímpico) e short (750 m para a natação, 20 km para o ciclismo e 5 km para a corrida, para as categorias: Speed, Mountain Bike, Trabalhadores do Comércio e Pessoas com Deficiência).

As inscrições serão feitas exclusivamente pelo sitewww.sescpr.com.br/triathlon.

Última atualização em Ter, 20 de Novembro de 2018 16:31
 

Curitiba recebe BRICS Students Meet

imagem release 1492214Encontro de mestrandos de 5 países acontece de 12 a 15 de novembro. Universidade Positivo recebe BRICS Students Meet (Crédito: Divulgação)

De 12 a 15 de novembro, a capital paranaense recebe o BRICS Students Meet, encontro que reúne estudantes de MBA de instituições dos 5 países que compõem o BRICS: Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. Além de promover a integração internacional, serão aplicadas aos participantes atividades como conferências, jogos de negócios e competições de debate. 

Organizado pela Association of BRICS Business Schools (ABBS), o evento é realizado por uma Instituição de Ensino Superior representante de um país pertencente ao BRICS. Esta é a 10a edição do evento e a segunda deste ano. O encontro anterior foi realizado na Hindustan University, em Chennai, na Índia, em fevereiro de 2018.

Em Curitiba, os participantes serão recebidos na Universidade Positivo, PUC-PR e Isae. De acordo com o professor Emerson Bomfim, do departamento de Relações Internacionais da Universidade Positivo, o principal objetivo do encontro é proporcionar a convivência e a troca de conhecimento entre os acadêmicos, além de contribuir com a educação em gestão em nível global. "Essa aproximação entre as instituições brasileiras, russas, indianas, chinesas e sul-africanas pode gerar grandes parcerias internacionais, além do intercâmbio de conhecimentos e pesquisas entre os participantes", afirma o professor, que trabalha no processo de internacionalização da Universidade Positivo.

Segundo ele, um dos temas de discussão do encontro será a digitalização da educação e a popularização do conhecimento com o crescimento do ensino híbrido - ou blended, como é conhecido internacionalmente -, no qual parte das aulas é presencial e outra parte é on-line.


Sobre a Universidade Positivo

A Universidade Positivo concentra, na Educação Superior, a experiência educacional de mais de quatro décadas do Grupo Positivo. A instituição teve origem em 1988 com as Faculdades Positivo, que, dez anos depois, foram transformadas no Centro Universitário Positivo (UnicenP). Em 2008, foi autorizada pelo Ministério da Educação a ser transformada em Universidade. Atualmente, oferece 61 cursos de Graduação presenciais, três programas de Doutorado, quatro programas de Mestrado, mais de 150 programas de Especialização e MBA, cinco cursos de idiomas e dezenas de programas de Extensão. A UP conta com sete unidades em Curitiba, uma unidade em Londrina (PR), uma unidade em Joinville (SC), além de polos de Educação à Distância (EAD) em mais de 30 cidades espalhadas pelo Brasil. É considerada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), do Ministério da Educação (MEC), a melhor universidade privada do Paraná, pelo sexto ano consecutivo.

Última atualização em Qua, 14 de Novembro de 2018 12:47
 


Página 1 de 92
Copyright © 2011 Acontece Curitiba. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por LinkWell.